Socorro é referência internacional em Acessibilidade

Um cadeirante tendo a experiência de fazer uma tirolesa ou um deficiente visual andando a cavalo sozinho. Tudo isso é possível em Socorro, referência internacional em turismo acessível.

Há anos este importante nicho foi detectado pelos empresários locais, que se uniram à Prefeitura em torno do objetivo de permitir acessibilidade ao maior número possível de atrações e atividades, e também passaram a treinar suas equipes para atender às pessoas com deficiência. A iniciativa foi tão bem-sucedida que, em junho de 2017, a cidade foi premiada com o diploma “Destaque de Honra – Gestão Municipal” durante o evento World Company Award em Lisboa, Portugal.

Hoje, além das atividades citadas acima, pessoas com deficiência ou com mobilidade reduzida também podem praticar arvorismo, rapel, rafting e passeios de charrete, barco, pedalinho, caiaque, bicicleta, triciclo e quadriciclo, com total conforto e segurança. Além disso, os pontos turísticos possuem sinalização tátil, elevadores, rampas e barras.

Os meios de hospedagem não ficaram fora desse movimento. Muitos hotéis oferecem apartamentos adaptados e atividades específicas, e alguns foram os primeiros do Brasil a receber a certificação de acessibilidade pela ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas).

A cidade também recebeu o prêmio Rainha Sofia de Acessibilidade em 2013, na categoria até 100 mil habitantes, concedido pelo Conselho Real para Deficiência do governo espanhol.

Outro diferencial é que a cidade, além das adaptações na infraestrutura, conta com atendentes treinados e acostumados a receber pessoas com deficiência.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *