Mirante do Cristo de Socorro: informações oficiais, vista panorâmica e venda de produtos artesanais

Dicas seguras de passeios, hospedagens e alimentação da cidade localizada no Circuito das Águas Paulista

Nos municípios sempre tem “aquele” lugar que todo bom turista precisa conhecer e registrar. Se o local for “instagramável”, melhor ainda. É o caso do Mirante do Cristo, localizado na Estância Hidromineral de Socorro – cidade turística referência em aventura e ecoturismo, do Circuito das Águas Paulista. Além de ter uma linda vista panorâmica, ainda tem um empório com produtos artesanais da região e também é o centro oficial de informações turísticas da cidade.

A estátua com quase 6 metros, em cima de uma base de mais de 6 metros, pode ser percebida ao longe. O acesso é fácil pela estrada municipal Cristo Redentor. A dica é já apreciar a paisagem à medida que sobe.

Ficar aos pés do Cristo – que está de braços abertos voltado para Socorro – dá uma paz indescritível, e a visão da paisagem que mistura construções e muito verde em meio às montanhas amplia essa sensação de bem estar.

No mesmo local está o Empório do Cristo, que precisa ser visitado com tempo para olhar e escolher as inúmeras delícias artesanais – como geleias, doces, cafés, cachaças, rapadura e melado de cana – e os artesanatos – que vão desde peças de decoração, lembrancinhas às utilidades domésticas – para levar para casa ou presentear.

Para obter dicas seguras e confiáveis, o turista deve procurar o centro oficial de informações turísticas, que, no caso de Socorro, fica em um espaço no Empório. Lá é possível adquirir o mapa da cidade e ter detalhes sobre as principais atrações. A sede da Associação de Turismo da Estância de Socorro (ASTUR) também funciona como ponto de informações oficiais. Ambos ficam abertos todos os dias, das 9h às 18h. Quem prefere pesquisar pela internet, o site oficial é www.socorro.tur.br

A história do Cristo começa em 1968, quando foi realizado um rateio entre os moradores para comprar a estátua e tiveram a colaboração da prefeitura com transporte das peças – adquiridas em Amparo – e com a mão de obra. O resultado é um dos pontos turísticos mais visitados e motivo de orgulho dos socorrenses. Foram necessários cerca de seis meses para conclusão da obra e montagem do Cristo, que, como um quebra-cabeça gigante, é feito com 65 peças de concreto. Para se ter ideia, só uma mão dele pesa cerca de 70 quilos.

Em 2013, com algumas melhorias, o mirante ganhou um elevador panorâmico que garante a acessibilidade.   “A ASTUR administra o Empório do Cristo desde 2017, com o objetivo de fomentar os empreendimentos turísticos locais, principalmente os ligados ao turismo rural e artesanato. E ficamos muito satisfeitos em saber que as vendas feitas no Empório são a principal fonte de renda para diversas empresas que têm produtos à venda ali.”, comenta Ana Luiza Russo, presidente da Associação de Turismo da Estância de Socorro.

Descubra Socorro: Estância Hidromineral de Socorro, a “cidade aventura”, é um dos nove municípios a integrar o Circuito das Águas Paulista. Já é referência nacional em turismo de aventura e turismo acessível e se dedica para se tornar também um destino sustentável e pet friendly. Para isso, diversas ações de conscientização são criadas e envolvem moradores, empresários e turistas. Gastronomia variada, lazer para toda família e a melhor experiência em atividades culturais e passeios cercados pelas belezas naturais da Serra da Mantiqueira. Visitas guiadas ou autoguiadas em mais de 1300km de caminhos rurais disponíveis ao público. A mais recente certificação do município aconteceu no fim de abril, quando recebeu o selo Safe Travels (viagens seguras) concedido pela World Travel & Tourism Council (WTTC).  Saiba mais:  www.socorro.tur.br

ASTUR – A Associação de Turismo da Estância de Socorro – SP, que tem como objetivo a promoção de ações para o desenvolvimento sustentável das empresas associadas e o fomento do turismo de Socorro, sempre em consonância com o COMTUR (Conselho Municipal de Turismo) da cidade. Na “Estância Hidromineral” – status conquistado por cumprir determinados pré-requisitos definidos por Lei Estadual, o que também dá o direito ao município de agregá-lo ao nome -, atualmente, são 70 empresas associadas de diversos setores turísticos como hospedagem, ecoturismo, atividades de aventura, turismo rural, gastronomia e compras.